header

Sophia de Mello Breyner

«Retrato de Mónica» Um espelho da identidade cultural portuguesa no tempo do Estado Novo

Fernanda Alves Afonso Grieben
Doutorada em Literatura Portuguesa e licenciada em Estudos Portugueses, Universidade Aberta
Mestre em Teologia e licenciada em Ciências Religiosas, UCP
fe@revisitar.com

RESUMO

O conto «Retrato de Mónica», que integra os Contos Exemplares de Sophia de Mello Breyner Andresen, espelha caricaturalmente a estreita relação que preponderava nos anos 60 do século XX entre o Estado Novo e a Igreja Católica em Portugal. Em concordância de interesses, ambos tentavam impor, pelo exercício do poder instituído, os valores com que se identificavam. A par dessa cultura dita erudita, porém, prevalecia ainda, em Portugal, uma cultura popular religiosa, de substrato pagão.

Palavras-chave: Identidade Cultural Portuguesa; Contos Exemplares; Simbólica; Estado Novo; Religiosidade.

Descaregar (PDF)